quinta-feira, 13 de maio de 2021

Israel



Toda vez que acontece algum conflito entre terroristas e israelenses, os "evangélicos" começam a falar em orar pelos israelenses e a puxação de saco começa, porque não podem ver a palavra 'prosperar' na Bíblia que já ficam interessados. Não existe nada de genuíno em suas intenções; são profundamente oportunistas e proselitistas. Deveriam orar por si mesmos, no temor de que quando todo Israel for salvo eles mesmos não venham a ser cortados.

Os malucos vão lá peregrinar, como eles adoram ir também, e arrumam confusão com a polícia. Os terroristas tomam as dores das balas de borracha que eles levaram e lançam mísseis sobre as pessoas em Israel, muitas das quais estão se lixando para "religião". Israel então bombardeia os palestinos, muitos dos quais também não querem saber dessa merda.

Em 9/11 os americanos lembram os que morreram vítimas do seguidor do Allah, que é o mesmo Yahweh dos escribas e fariseus, que só os trouxas não sabem se tratar do diabo. Mas em tal dia os americanos sábios lembram também que por lá passou um presidente mais insano que o barbudo mau elemento, que matou mais de 200 mil japoneses.

The hardest part is inside.

Voyage, et jamais ne revient.